E-mail

contatof5agencia@gmail.com

WhatsApp

(75) 98834-6881

ITAPETINGA

Câmara de Itapetinga realiza sessão especial para tratar dos investimentos em saúde no município.

Os dados revelam que muitos serviços ofertados o quantitativo de atendimento vai além do que é estabelecido pelo Ministério da Saúde.

12/12/2019 09h19
Por: Portal Bahia Online

A Câmara de Itapetinga realizou sessão especial nesta quarta-feira (11) para tratar dos investimentos em saúde no município. O Secretário da pasta Hugo Cunha participou do evento e apresentou dados estatísticos, fotos e esclarecendo a situação real dos serviços de saúde em nossa cidade.

Hugo discorreu sobre os serviços da Rede Básica, bem como os serviços de baixa, média e alta complexidade.

Os dados revelam que muitos serviços ofertados o quantitativo de atendimento vai além do que é estabelecido pelo Ministério da Saúde, como é o caso da UPA que atende mais de 1000 pacientes mês, passando da cota estabelecida. Em sua explanação o Secretário anunciou que já está finalizando o processo para a vinda do CAPS 3, sendo Itapetinga a cidade de referência em saúde mental.

Quanto a Policlínica que hoje conta com mais de 16 especialidades, o Secretário mostrou dados que o município fechou convênio por se tratar de um consórcio de saúde, porém a Policlínica não estava correspondendo aos serviços contratados. Como por exemplo o primeiro mês de 1000 exames pactuados a policlínica só atendeu 60 pacientes, no segundo mês somente 300 pacientes, e o município fazendo pagamento integral, foi quando suspendeu o pagamento para nova negociação.

Em relação a farmácia básico, foi abordado que a participação na cota do estado em fornecer o medicamento tivemos uma falta do governo do estado em 2 meses desses, trazendo sérios prejuízos no fornecimento e estoque.

Outro fato apresentado foi a diminuição do repasse do governo federal para compras de medicamentos para o glaucoma (colírio) já que se trata de um programa federal e o município não dispõe de financiamento dessa medicação, e que infelizmente o programa teve mudanças por parte do governo federal deixando o município com dificuldades.

Hugo enalteceu as obras de reforma e ampliação dos PSFs onde o governo atual terminou todas.

Os vereadores tiveram oportunidade de questionamentos, na qual o Secretário respondeu a todos e finalizou: “estamos abertos a opiniões, sugestões e crescermos juntos. Saúde não tem bandeira partidária" concluiu.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.